Artigos

Audiência publica discute a insuficiência de arborização em Cuiabá-MT

 Happy Dog Picture

Audiência publica discute a insuficiência de arborização em Cuiabá-MT Foto: Ascom do Instituto Ação Verde

O crescimento desordenado da capital mato-grossense impactou negativamente na politica de arborização pelo descaso do poder público em não manter projetos sustentáveis permanentes. Para discutir esse relevante assunto e retomar procedimentos cabíveis a essa situação, o Instituto Ação Verde participou da audiência publica promovida nessa quarta feira (03/05), pelo vereador Felipe Wellaton do Partido Verde. Foram discutidas politicas públicas voltadas para arborização urbana do município. A audiência ocorreu na Câmara Municipal de Cuiabá.

 “Necessitamos mudar esse cenário, e isso é um trabalho conjunto”, afirma Vicente Falcão, Superintendente executivo do Instituto Ação Verde.

“Devemos analisar a Lei de Uso e Ocupação do Solo das nossas calçadas, temos que pensar na fiação elétrica, na rede de esgoto e água, nas espécies de árvores que deverão ser plantadas.” Relatou o vereador Felipe Wellaton.

De acordo com os dados da Secretária de Serviços Urbanos, o VLT (Veículo Leve sobre Trilhos) desmatou 2.386 árvores e foram replantadas apenas 120. “Há tempos que Cuiabá não atende mais ao título de Cidade Verde. Precisamos plantar árvores, pois isso significa conforto térmico e qualidade de vida para os cidadãos cuiabanos.” Declarou o vereador.

“Não foi só pelas obras do VLT que Cuiabá perdeu o titulo Cidade Verde, foi um conjunto de ações que ocorreram ao longo do tempo”, debateu o Secretário serviços urbanos, José Roberto Stopa.