Artigos

Projeto Guardião das Águas auxilia produtor na recuperação de nascentes

 Happy Dog Picture

Projeto Guardião das Águas auxilia produtor na recuperação de nascentes Foto: Ascom do IAV

O Projeto Guardião das Águas tem o objetivo de acelerar a recuperação de áreas de preservação permanente – APP, existente nas propriedades rurais do Estado, onde estão localizadas as nascentes das bacias hidrográficas do Rio Amazonas e do Rio Paraguai. O projeto é desenvolvido pela Associação dos Produtores de Soja e Milho do Estado de Mato Grosso – Aprosoja em conjunto com o Instituto Ação Verde.

 

A execução das atividades teve início em outubro deste ano com o levantamento de possíveis pontos de afloramento de água em fazendas de soja e milho com base em imagens de satélite de alta resolução, cartas topográficas da Diretoria de Serviços Geográficos do Exército e Modelos Digitais de Elevação do Terreno (MDT) disponíveis na plataforma Geocloud.

 

O projeto piloto está sendo executado na APP de uma nascente da Fazenda Zonta. Propriedade rural localizada no município de Diamantino-MT, cujo proprietário é o Sr. Eleonir Zonta, associado da Aprosoja.

 

Nessa primeira etapa, a equipe técnica do projeto está realizando a limpeza da área, plantio e o coroamento das mudas de espécies florestais. Serão seis mil mudas plantadas. “Há perda de solo por erosão na região da nascente e a recomposição da vegetação da APP irá contribuir com o processo de restauração do ambiente degradado”, afirmou a engenheira florestal, Neide Santo.  

 

De acordo com Marlene Lima, Assessora Socioambiental da Aprosoja, esta área será acompanhada pelos próximos três anos.

 

A fazenda está localizada sobre o divisor topográfico que separa as bacias do Rio Amazonas e do Rio Paraguai, e servirá como referência geográfica para expandir a atuação do projeto nestas duas importantes bacias hidrográficas que cobrem mais de 80% do território do estado de Mato Grosso.