Notícias

Programa Conscientização Empresarial reúne mais de 30 empresas de Alto Araguaia




O segundo seminário do Programa de Conscientização Empresarial, promovido pelo Instituto Ação Verde, reuniu ontem, 17, em Alto Araguaia mais de 30 empresas da região. Lançado no mês passado em Tangará da Serra, o programa deve passar ainda por mais oito cidades do Estado visando conscientizar o empresariado mato-grossense sobre a importância de "crescer em parceria com o meio ambiente", como ressaltou o secretário de agricultura municipal, Dimas Neto.



De acordo com o secretário, o evento é uma oportunidade para o empresariado de Alto Araguaia responder às questões ambientais na mesma medida que o salto econômico vivenciado com a chegada da ferrovia, em 2001. A arrecadação do município passou de 6 milhões para cerca de 40 milhões em sete anos.



Em sua palestra, o técnico em geoprocessamento da Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso (Famato), Alexandre Dutra, apresentou as iniciativas da entidade para promover o desenvolvimento sustentável do Estado. O técnico citou como exemplo a realização da 5ª Edição do Encontro Internacional dos Negócios da Pecuária (ENIPEC) 2008, que contou com mais de 3 mil participantes.



Dutra lembrou ainda que a Famato tem participado efetivamente das discussões em torno da proposta de Zoneamento Sócio-Econômico e Ecológico de Mato Grosso (ZSEE/MT), projeto apresentado pelo governo do Estado como instrumento de desenvolvimento econômico, conservação ambiental e respeito social. Segundo Dutra, a federação tem trabalhado para que a proposta aprovada beneficie tanto os produtores quanto o meio ambiente. "O que não pode é o setor produtivo caminhar nessa incerteza de leis que mudam a todo instante", pontuou.



0 superintendente do Ação Verde, Paulo Borges, apresentou os objetivos e os projetos desenvolvidos pela entidade, além da programação do "Conscientização Empresarial" que ainda passará pelas cidades de Água Boa, Colíder, Juína, Campo Verde, Rondonópolis, Cáceres e Lucas do Rio Verde, até o mês de novembro. "Aliar crescimento econômico e sustentabilidade é a principal meta do Programa de Conscientização Empresarial", disse.



O evento que acontece em paralelo ao Integração Empresarial, da Federação das Indústrias de Mato Grosso (Fiemt) também contou com a presença de representantes do Banco do Brasil, Caixa Econômica, Sicredi, Banco da Amazônia, Rede Cemat, Sesi e IEL. Entre os temas debatidos estavam incentivos financeiros e fiscais, empreendedorismo e estratégia de competitividade.



Também estiveram presentes no encontro o diretor da Fiemt, Edson Hack, o superintendente também da federação, José Carlos Dorte e o secretário de administração de Alto Araguaia, Romildo de Oliveira.



Veja galeria de fotos.



Da assessoria