Notícias

Governo apresenta ZSEE em audiência pública realizada pela AL

Na primeira audiência pública de discussão do projeto de Zoneamento Socioeconômico Ecológico (ZSEE) de Mato Grosso, referente à VI região (Cuiabá e Várzea Grande), realizada pela Assembléia Legislativa do Estado, na manhã desta segunda-feira (23.06) o secretário de Estado de Planejamento e Coordenação Geral (Seplan), Yênes Magalhães, afirmou, para mais de 200 pessoas, entre autoridades e representantes de segmentos econômicos e sociais presentes, que agora cabe à AL dar o encaminhamento às audiências em todo o Estado.



Durante a apresentação aos deputados, Yênes agradeceu aos técnicos da Secretaria de Estado de Planejamento (Seplan) e de outros órgãos do Governo do Estado envolvidos na elaboração e finalização do projeto. “Me sinto um iluminado por ter sido responsável até agora por este importante projeto e por ter contado com a excelente equipe técnica que o Governo do Estado possui”, destacou ele, ao afirmar que o encaminhamento das discussões, a partir de agora, será da Assembléia Legislativa. Yênes voltou a afirmar que o ZSEE é um instrumento político e técnico de gestão para orientar o planejamento e ordenamento sustentável do Estado.



Para o secretário, o ZSEE precisa agora da participação ativa da sociedade na discussão do ordenamento e a ocupação do Estado. Esse documento vai estabelecer quais as políticas para as diversas zonas de Mato Grosso, as áreas que devem ser conservadas e as áreas de agricultura cultivadas, além de identificar as potencialidades e vocações socioeconômicas de cada região, levando em conta os três biomas que o Estado possui (Pantanal, Cerrado e Floresta).



O Zoneamento Socioeconômico Ecológico a princípio previa a realização de 12 audiências, uma em cada região, o que os deputados resolveram alterar. De acordo com o presidente Sérgio Ricardo, haverá dois dias para a discussão e um terceiro para a validação dos debates, em cada uma das audiências regionais. Segundo o deputado, isso vai permitir o aprofundamento das discussões, ao mesmo tempo em que não conflita com as atividades do calendário deste ano eleitoral. A próxima audiência, a princípio já está marcada para Rondonópolis, nos dias 9, 10 e 11 do próximo mês.



Também participaram da audiência, os secretários Pedro Nadaf (Indústria, Comércio, Minas e Energia) e Luís Henrique Daldegan (Meio Ambiente).



Fonte: SECOM-MT